BTG será coordenador líder da oferta de ações da Copel detidas pelo BNDES

O lote base da oferta pública será de até 78.811.022 units, equivalentes até 14,4% do capital social da companhia

Gabriel Araujo, da Reuters
13 de maio de 2021 às 09:13
Copel Energia
Foto: Divulgação/Redes Sociais

 

A elétrica Copel recebeu carta da BNDESPar indicando que o banco BTG Pactual foi escolhido como coordenador líder de uma oferta pública secundária de ações da companhia paranaense detidas pelo braço de participações do BNDES, que envolverá até 24% do capital social da empresa.

Segundo fato relevante publicado pela Copel nesta quarta-feira (12), o lote base da oferta pública será de até 78.811.022 units, equivalentes até 14,4% do capital social da companhia, sendo que até 28.992.446 dos papéis ofertados serão de titularidade do estado do Paraná.

"O lote adicional será composto integralmente por units de titularidade da BNDESPar", disse o documento, em operação que envolverá até 15.762.205 ações.

"A BNDESPar reitera, porém, que o lançamento da oferta pública está sujeito a diversos fatores, entre os quais a existência de condições de mercado favoráveis, notadamente de preço, aaprovação de sua governança interna e a análise da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e dos demais órgãos reguladores e autorreguladores", acrescentou.