General Mills compra unidade da Tyson de alimentação para pets por US$ 1,2 bi

Nos últimos 12 meses, encerrados em abril de 2021, as vendas geradas pelo negócio de petiscos da Tyson totalizaram cerca de US$ 240 milhões

Sandy Oliveira, do Estadão Conteúdo
14 de maio de 2021 às 12:42 | Atualizado 14 de maio de 2021 às 12:46
Investimentos
Investimentos
Foto: Chronis Yan / Unsplash

 A companhia General Mills anunciou um acordo definitivo para adquirir negócios da companhia de carnes, Tyson Foods, que produz guloseimas para animais de estimação. O valor da transação foi de US$ 1,2 bilhão e fornece um benefício fiscal estimado de US$ 225 milhões.

"Esta aquisição avança nossa estratégia de portfólio de crescimento, adquirindo um negócio atraente à nossa plataforma Pet, de rápido crescimento", disse o presidente e CEO da General Mills, Jeff Harmening.

O negócio, que inclui as marcas Nudges, Top Chews e True Chews, é líder em guloseimas naturais para animais de estimação. "O anúncio de hoje reforça nosso compromisso de usar todas as possibilidades de alocação de capital - incluindo investimento no negócio, aumento de dividendos, aquisições estratégicas e recompra de ações - para impulsionar os retornos aos acionistas de primeira linha no longo prazo", afirma Harmening.

A compra do player, líder em guloseimas naturais para animais de estimação, deverá ser concluída até o fim do ano fiscal de 2021 da empresa. Segundo a General Mills, os alimentos para animais de estimação é um negócio em forte crescimento e a aquisição deste novo negócio mostra que a empresa está se fortalecendo nesta categoria.

"A compra é complementar aos nossos negócios e estamos entusiasmados com a oportunidade de oferecer aos 'pais' de pet, mais opções alimentares".

Nos últimos 12 meses, encerrados em abril de 2021, as vendas geradas pelo negócio de petiscos da Tyson totalizaram cerca de US$ 240 milhões. Os fundamentos do mercado são fortes neste mercado, que foram impulsionados pela pandemia, quando mais pessoas passaram a ter animais de estimação. O negócio de guloseimas para animais de estimação da Tyson Foods e os cerca de 300 funcionários da empresa se tornarão parte da General Mills após a conclusão da venda.