Link no WhatsApp que promete celular de graça na Amazon é golpe; entenda

Golpe, que teve primeiro relato registrado em março deste ano, voltou com força nesta segunda (17)

Tamires Vitorio, do CNN Brasil Business, em São Paulo
17 de maio de 2021 às 14:16 | Atualizado 17 de maio de 2021 às 16:48
Tela de celular com o app de mensagens WhatsApp
Golpe da Amazon volta novamente
Foto: Pixabay

Circula no WhatsApp nesta segunda-feira (17) um link malicioso que promete dar, entre outros prêmios, um celular da Xiaomi ou da Huawei para os usuários que responderem a um questionário como presente de aniversário pelos "30 anos da Amazon". Fundada em 1994, a varejista ainda não chegou na casa dos 30, e o link não é real.

Quando o usuário recebe o link pelo WhatsApp, responde a um questionário com algumas questões. A primeira, segundo pessoas que caíram no golpe ouvidas pelo CNN Brasil Business, não tem uma resposta correta, enquanto a segunda tem sempre a mesma resposta para pessoas diferentes. 

Depois disso, o link malicioso pede para que o usuário o encaminhe para 20 pessoas ou cinco grupos diferentes — e fica monitorando o envio das mensagens. Ao completar o "desafio" proposto, o usuário é redirecionado para uma página diferente, na qual, muitas vezes, é solicitado o download de um aplicativo pago — provavelmente um arquivo malicioso com o objetivo de roubar os dados do usuário. 

O site copia o design do site da Amazon, mas é impossível clicar no login, por exemplo, e a URL é bastante diferente — começando com 'spectacularcity' e não com o domínio amazon.com, utilizado pela varejista. 

Site falso da Amazon promete presentes
Foto: Reprodução

Ainda não se sabe ao certo quais são os efeitos causados no aparelho de quem clicou no link e concluiu o questionário falso.

A principal suspeita é a de que o link, como muitos outros, tem como objetivo instalar vírus espiões no celular ou no computador do indivíduo. O golpe também não é exatamente novo e existem relatos sobre ele na internet desde março deste ano. 

Para se prevenir de golpes, fica a dica: não clique em links estranhos enviados por amigos ou parentes e sempre cheque a veracidade do que foi enviado, buscando a informação no Google ou conversando com outras pessoas. 

Também é possível usar o dfndr lab, que analisa o link e diz se é seguro. Basta colar o link duvidoso no campo que aparece na entrada do site e clicar em 'analisar'.