BofA surpreende com lucro líquido de US$ 9,2 bi no 2º tri, mas receita frustra

O documento mostrou ainda que o banco americano teve queda na receita nessa base comparativa, de US$ 22,3 bilhões a US$ 21,5 bilhões

André Marinho, do Estadão Conteúdo
14 de julho de 2021 às 11:02
Logo do Bank of America (BofA) em Nova York (30/01/2019)
Bank of America: Treasuries (títulos do Tesouro americano) foram as negociações 'mais movimentadas' pelo 2º mês
Foto: Carlo Allegri/Reuters

O Bank of America (BofA) informou, em balanço divulgado nesta quarta-feira(14), que registrou lucro líquido de US$ 9,2 bilhões no segundo trimestre de 2021, o que representa um salto de 163% em relação ao ganho de US$ 3,5 bilhões obtido em igual período de 2020.

O resultado equivale a um lucro por ação ajustado de US$ 1,03, acima tanto do consenso de analistas consultados pela FactSet, de US$ 0,77, quanto do valor apurado no mesmo intervalo do ano passado (US$ 0,37). O documento mostrou ainda que o banco americano teve queda na receita nessa base comparativa, de US$ 22,3 bilhões a US$ 21,5 bilhões.

Nesse caso, o desempenho frustrou a projeção da FactSet, de US$ 21,8 bilhões. Com isso, por volta das 8h06 (de Brasília), a ação do BofA recuava 2,11% no pré-mercado da Bolsa de Nova York.