TCU vai votar o edital do leilão do 5G em 18 de agosto, diz Fábio Faria

A área técnica vai entregar o texto no dia 8 de agosto, antecipando em um mês e quatro dias

Natália Flach, do CNN Brasil Business, em São Paulo
14 de julho de 2021 às 16:08 | Atualizado 14 de julho de 2021 às 16:32

 

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, anunciou nesta quarta-feira (14), que o Tribunal de Contas da União (TCU) vai votar o edital do leilão do 5G no dia 18 de agosto, às 10h. "A área técnica vai entregar o texto no dia 8 de agosto, antecipando em um mês e quatro dias. O relator, que teria prazo de 15 dias, antecipou para cinco dias", disse, durante coletiva.

Após a votação no TCU, em até cinco dias, o edital é encaminhado para a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). "Falei agora com o presidente da Anatel, e ele disse que, devido à grande interação entre Anatel, TCU e Ministério das Comunicações, ele consegue publicar em até sete dias o edital pela Anatel."

Ou seja, se os prazos forem cumpridos, é possível que o edital do leilão seja divulgado no dia 30 de agosto. Em resposta à pergunta, se até julho do ano que vem o 5G estará em funcionamento, Faria disse que sim. "As empresas de telecomunicações disseram que as obrigações do edital para colocar [5G] nas capitais estão mantidas."

Faria comentou ainda que haverá 20 pontos de 5G no país que serão doados pelas empresas de telecomunicações. "O próximo ponto será em Londrina (no Paraná)."