Bolsonaro envia projeto para alterar LDO e permitir investir em programa social

O projeto tem intuito de atender à decisão do STF que determina o estabelecimento de diretrizes para a unificar programas sociais de combate à pobreza

Luana Maria Benedito, da Reuters
15 de julho de 2021 às 09:47
Dinheiro cédulas finanças inflação
Foto: Getty Images/Priscila Zambotto

 

O presidente Jair Bolsonaro enviou ao Congresso Nacional projeto de lei que altera a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2021 com o objetivo de criar condições para investimento em programas sociais e de garantia de renda mínima à população.

Segundo nota divulgada na noite de quarta-feira (14) pela assessoria de comunicação da Presidência, o projeto de lei tem o intuito de atender à decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que determina ao presidente o estabelecimento de diretrizes para a unificação de programas sociais de combate à pobreza e à extrema pobreza.

Nesta quinta-feira (15), há expectativa de votação da LDO de 2022.

Segundo o comunicado divulgado, o impacto orçamentário do novo programa social será submetido a todas as regras fiscais e orçamentárias vigentes, principalmente do teto de gastos.

A efetiva implementação dessas despesas continuará condicionada à aprovação final do projeto, completou.