Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    39% dos alunos usam o próprio smartphone para acompanhar as aulas online

    Apenas 2% dos pais disseram que os filhos receberam laptop ou tablet emprestado da escola para fazer tarefas online, de acordo com pesquisa realizada pela Avast

    Aula online: 50% dos pais disseram que os professores aplicam atividades criando testes e questionários para conduzir as aulas online
    Aula online: 50% dos pais disseram que os professores aplicam atividades criando testes e questionários para conduzir as aulas online Foto: Divulgação/MCTIC

    Natália Flach,

    do CNN Brasil Business, em São Paulo

    Ouvir notícia

    Os estudantes brasileiros tiveram que se virar para ver as aulas online. Pesquisa realizada pela Avast, obtida com exclusividade pelo CNN Brasil Business, mostra que 39% das crianças e adolescentes usam o próprio smartphone para acompanhar as atividades escolares. Outros 31% utilizam o aparelho de algum familiar.

    Apenas 2% dos pais disseram que os filhos receberam um laptop ou tablet emprestado da escola para as tarefas online. Os demais usam equipamentos próprios ou da família. É o caso dos 25% que usam o computador da família, 22% que utilizam o laptop de algum familiar e dos 11% que recorrem ao tablet dos pais ou irmãos. 

    Cerca de 50% dos pais disseram que os professores aplicam atividades criando testes e questionários para conduzir as aulas online; 43% afirmaram que eles usam tutoriais em vídeo durante as aulas online e 41% reportaram que os professores criam as aulas e fornecem às crianças um código de acesso.

    Leia também:
    O Grande Debate: Por que salas de cinema podem voltar e as escolas não?
    Máscaras, bolhas e distanciamento: como as escolas estão reabrindo na Europa

    “O compartilhamento de dispositivos foi provavelmente uma questão enfrentada por muitos, o que potencialmente colocou os gadgets em risco cibernético, sem contar que os arquivos e dados acumulados tornaram os aparelhos mais lentos. Os pais precisam preparar seus dispositivos e os de seus filhos para a volta às aulas ou especialmente se os filhos continuarem o aprendizado em casa”, destaca André Munhoz, Country Manager da Avast no Brasil, em nota.

    Por isso, o executivo recomenda a atualização dos aplicativos, softwares e sistemas operacionais regularmente e instalar antivírus.

    Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook

    Tópicos

    Tópicos

    Mais Recentes da CNN