Aluguel de temporada: dicas e cuidados para uma estadia tranquila

Consumidor deve ficar atento para evitar aborrecimentos ou golpes com prejuízos mais graves

Hospedagem no Airbnb
Hospedagem no Airbnb Foto: Reprodução/Instagram Airbnb

Magaléa Mazziotticolaboração para o CNN Brasil Business

Ouvir notícia

Para aqueles que vão aproveitar o período de férias para viajar, não faltam opções de plataformas especializadas em serviços de aluguel de casas para temporada ou hospedagem.

Justamente pela quantidade de ofertas, o viajante deve ficar atento para evitar aborrecimentos ou golpes com prejuízos mais graves. Observar regras e condições da reserva, confirmar informações e checar endereços e alguns dados estão entre as medidas para viajar com segurança.

Um golpe comum que tem se popularizado é a “colagem” de anúncios, por exemplo. O golpista copia um anúncio visto na internet e anuncia ele mesmo. Muitas vezes, ele até visita o local como um possível interessado no aluguel para ter mais informações sobre o imóvel. O consumidor desavisado, vendo o anúncio, acaba negociando – e transferindo o valor da reserva – para o golpista responsável pela clonagem.

“Qualquer tipo de anúncio pode ser duplicado pelo golpista e estamos percebendo essa prática que, muitas vezes, pega quem quer escapar do valor da comissão para quem faz a intermediação, seja a imobiliária, a plataforma ou aplicativo, e acaba pagando para um golpista”, alerta Daniel Feitosa Naruto, do escritório do Ernesto Borges Advogados.

“Caso você perceba que realmente foi vítima de um golpe, a primeira atitude é registrar um boletim de ocorrência online e se tiver efetuado o pagamento, contatar seu banco ou sua operadora de cartão de crédito para informar a fraude”, orienta Walberto Laurindo Oliveira Filho, do Ernesto Borges Advogados.

Um bom sinal de que algo pode estar errado é  preço muito abaixo da média do mercado. Até por isso, vale pesquisar bem a região escolhida. “Não existe milagre. Desconfie quando o preço estiver muito abaixo do que vem sendo praticado. Se a média é R$ 100 e estão negociando por R$ 50, por exemplo, busque mais informações”, diz Raquel Castegnaro Trevisan, gerente de marketing da Imóveis Crédito Real.

 

Confira dicas para tornar mais segura a sua temporada de descanso

 

Mais Recentes da CNN