Crise hídrica causa risco de desligamento de usinas hidrelétricas

Ilha Solteira e Três Irmãos estão com menos de 10% de volume de água

Anne Barbosada CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

Algumas usinas hidrelétricas do país correm o risco de serem desligadas por causa da seca. É o caso de Ilha Solteira, a maior de São Paulo e a terceira maior do país, que tem apenas 1,45% de volume de água.

A usina Três Irmãos, na bacia do Rio Tietê, segue o mesmo caminho e registra pouco mais de 5% de água. As duas fazem parte do principal conjunto de hidrelétricas das regiões Sudeste e Centro-Oeste, que concentram 70% de toda a água armazenada do país.

A operação de hidrelétricas com nível de armazenamento em torno de 10% é tecnicamente viável, segundo o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). No entanto, com valores abaixo desse número, é preciso ficar em alerta, já que máquinas e turbinas correm risco de quebrar.

A situação nas usinas decorre da crise hídrica. O nível dos reservatórios no estado de São Paulo já é menor do que o registrado em 2013.

O ano em questão antecedeu a maior crise hídrica do estado. O volume do Sistema Cantareira, responsável pelo abastecimento de sete milhões de pessoas por dia, está em 34,4%. Há oito anos, ele alcançava 44%.

Mais Recentes da CNN