Ministério de Minas e Energia confirma reunião com equipe de Cacique Cobra Coral

Pasta se reuniu com representantes da entidade esotérica para discutir "tragédia energética"

Marcação de nível de reservatório na usina hidrelétrica de Furnas, em São José da Barra (MG)
Marcação de nível de reservatório na usina hidrelétrica de Furnas, em São José da Barra (MG) 14/01/2013 REUTERS/Paulo Whitaker

da Reuters

Ouvir notícia

O Ministério de Minas e Energia (MME) reuniu-se recentemente com representantes da Fundação Cacique Cobra Coral para tratar da questão da crise hídrica que secou reservatórios de hidrelétricas do país neste ano.

A pasta confirmou a reunião com representantes da entidade esotérica, a quem são atribuídos poderes de intervenção no clima, em comunicado divulgado à imprensa neste domingo (17), respondendo a reportagens publicadas sobre o encontro.

Segundo o comunicado, que não cita quando a reunião foi realizada, o encontro não foi pedido pelo ministério, mas ocorreu em atendimento a “princípios da transparência e do diálogo franco”.

O ministério, que diz receber centenas de pedidos de audiência, afirmou que apenas aceitou o encontro com representantes da entidade e reproduziu e-mail recebido no início de setembro em que um representante da entidade, chamado Osmar Santos, pediu uma reunião com o ministro Bento Albuquerque.

O MME também destacou que Albuquerque “sequer foi informado acerca da citada solicitação de audiência” e não participou da reunião, feita com técnicos do ministério.

O assunto do encontro seria “tratar da tragédia econômica x energética… e os meios para recuperar tais precipitações irregulares no lugar certo ainda na estação inverno que se finda e primavera”, segundo a mensagem de Osmar Santos reproduzida pelo comunicado do ministério.

“Durante a audiência, o senhor Osmar (diretor de relações governamentais do instituto) relatou aos técnicos do MME que o instituto faz serviços de previsões dos mais variados tipos”, afirmou a pasta. “Como servidores públicos, os servidores do MME apenas e tão somente ouviram as informações do senhor Osmar”, acrescentou o ministério.

Na semana passada, o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) afirmou que a projeção para o nível das represas de hidrelétricas do país é que eles cheguem até o fim do mês com 16,7% da sua capacidade na região Sudeste/Centro-Oeste, contra projeção de 15,2% feita na semana anterior.

O ONS afirmou ainda que vê ainda um cenário “bastante preocupante” para 2022 e recomendou que o país permaneça mobilizado para enfrentar a próxima estação seca.

Mais Recentes da CNN