Nove integrantes do conselho de administração da Eletrobras renunciam

Eles permanecem nos cargos até a eleição de novos conselheiros; empresa passou por processo de capitalização

Sede da Eletrobras no Rio de Janeiro
Sede da Eletrobras no Rio de Janeiro Pilar Olivares/Reuters

Da CNN*

Ouvir notícia

Nove dos dez integrantes do Conselho de Administração da Eletrobras apresentaram uma carta de renúncia neste sábado (18). A empresa passou recentemente por um processo de capitalização.

A companhia publicou um “fato relevante” para comunicar a renúncia.

Os nove permanecerão nos cargos até a posse dos novos conselheiros, que deverão ser eleitos em Assembleia Geral Extraordinária.

Rodrigo Limp renunciou ao cargo de conselheiro, mas não ao de presidente da companhia.

O Conselho de Administração da Eletrobras é composto por onze membros, mas uma posição está vaga. Dos dez atuais conselheiros, o único a não renunciar representa os funcionários da empresa.

Na carta de renúncia, os conselheiros classificaram o processo de capitalização como “histórico e exitoso”.

“Resta evidente que cabe agora a este Conselho de Administração, após profundas e efetivas contribuições ao processo, propiciar que a nova composição societária – definida sem a figura de um acionista controlador – venha a formatar um novo colegiado”, afirmam.

*Com informações de Bárbara Brambila

Mais Recentes da CNN