Ouro versus bitcoin: guerra reacende disputa entre investimento mais seguro

Analistas do JPMorgan calcularam que, se os investidores começarem a tratar o bitcoin como ouro, seu valor poderá subir para US$ 150 mil

Bitcoin: Número de negociações que trocam rublos russos por bitcoin aumentou desde a invasão, de acordo com dados da Arcane Crypto
Bitcoin: Número de negociações que trocam rublos russos por bitcoin aumentou desde a invasão, de acordo com dados da Arcane Crypto Alesia Kozik/ Pexels

Julia Horowitzdo CNN Business

Ouvir notícia

Os defensores do bitcoin há muito afirmam que a criptomoeda tem muito em comum com o ouro.

Eles vislumbram um mundo em que os comerciantes migram para ele em tempos de estresse e o usam para armazenar valor ao longo do tempo.

Agora, a guerra da Rússia na Ucrânia, que agitou os mercados, está testando esse argumento em tempo real. O problema? Apoiadores e céticos dizem que isso prova seu ponto de vista.

O preço do ouro subiu quase 5% desde a invasão da Ucrânia há duas semanas. Em pouco tempo, pode superar a alta histórica de US$ 2.072 por onça troy alcançada em agosto de 2020.

O Bitcoin está sendo negociado cerca de 4% mais alto. Ele subiu na quarta-feira (9) depois que o presidente Joe Biden assinou uma ordem executiva instruindo o governo dos EUA a examinar os riscos e benefícios da criação de um dólar digital.

Ainda assim, está registrando oscilações muito maiores do que o ouro e permanece mais de 40% abaixo do recorde registrado em novembro passado.

As criptomoedas resistiram melhor que ações tradicionais desde o início da guerra. No passado, as negociações eram mais correlacionadas.

Isso porque sanções agressivas que cortam a Rússia do acesso ao sistema financeiro global aumentaram as apostas de que alguns países e instituições começarão a olhar mais seriamente para formas alternativas de movimentar dinheiro ao redor do mundo. As redes criptográficas se beneficiam.

“A razão pela qual ele manteve um pouco [seu valor] é que o mercado o vê como uma alternativa às finanças tradicionais”, me disse Lux Thiagarajah, chefe de negociação do BCB Group.

O número de negociações que trocam rublos russos por bitcoin aumentou desde a invasão, de acordo com dados da Arcane Crypto.

Embora ainda seja apenas uma pequena parte das transações globais, suporta uma narrativa mais ampla de que as criptomoedas têm valor real.

“Definitivamente, podemos ver que alguns russos estão usando bitcoin como hedge e para proteger suas economias”, disse Marcus Sotiriou, analista da GlobalBlock. Isso reforça “a ideia de que o bitcoin pode atuar como ouro digital”, acrescentou.

Mas Thiagarajah, do Grupo BCB, tem opinião contrária. Ele enfatizou que os russos que se voltam para o bitcoin é muito diferente dos investidores que o veem como uma aposta segura. Seu preço continua extremamente volátil, o que não inspira confiança entre as instituições que querem manter a riqueza.

“Nós não vemos o bitcoin como ouro digital”, disse ele. “O ouro é, por definição, um porto seguro.”

Analistas do JPMorgan calcularam que, se os investidores começarem a tratar o bitcoin como ouro, seu valor poderá subir para US$ 150 mil, aproximadamente quatro vezes seu nível atual.

No entanto, a guerra na Ucrânia não parece ser um momento decisivo, à medida que o debate continua.

Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

versão original

Mais Recentes da CNN