Endividamento recorde pressiona orçamento das famílias e retomada da economia

Dados divulgados pelo Banco Central apontam que, em abril, a taxa de endividamento chegou a 58,5%

Da CNN, em São Paulo *

Ouvir notícia

A crise econômica trazida pela pandemia do novo coronavírus fez o endividamento das famílias bater novo recorde no Brasil. Dados divulgados pelo Banco Central apontam que, em abril, a taxa de endividamento chegou a 58,5%. Este é o maior porcentual da série histórica, iniciada em janeiro de 2005. O cálculo leva em conta o total das dívidas bancárias dividido pela renda das famílias no período de 12 meses. Como incorpora números de pesquisas do IBGE, o indicador possui certa defasagem. Por isso, o resultado mais recente, divulgado na semana passada, é de abril.

Neste episódio do E Tem Mais, Carol Nogueira conversa com o economista Alexandre Schwartsman, ex-diretor do Banco Central, e com a analista de economia da CNN Thais Herédia sobre o impacto do aumento do endividamento no orçamento das famílias e as possíveis consequências do problema para os planos de retomada da economia brasileira, em um momento de alta da inflação e das taxas de juros no país.

Conheça os podcasts da CNN Brasil:

E Tem Mais

Abertura de Mercado

Horário de Brasília

CNN Mundo

Alma do Negócio

Entre Vozes

5 Fatos

Na Palma da Mari

Todo o conteúdo da grade digital da CNN Brasil é gratuito.

Podcast E Tem Mais, com apresentação de Carol Nogueira
Podcast E Tem Mais é publicado de segunda a sexta, sempre no início da manhã
Foto: CNN Brasil

* Texto publicado por Diego Toledo

Mais Recentes da CNN