Previsão é que 5G chegue às capitais em julho de 2022, diz especialista

Está prevista para esta quinta-feira (4) a realização do tão discutido e aguardado leilão do 5G, o mais recente padrão mundial de internet móvel de alta velocidade

Da CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

Está prevista para esta quinta-feira (4) a realização do tão discutido e aguardado leilão do 5G, o mais recente padrão mundial de internet móvel de alta velocidade, que está prestes a chegar ao Brasil. Quinze empresas enviaram propostas à Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações).

À CNN, Marcos Ferrari, presidente executivo da Conexis Brasil Digital, afirmou que a previsão é ter o 5G nas capitais brasileiras a partir de julho de 2022, podendo ser antecipado em algumas localidades.

Questionado se o país tem estrutura para oferecer a tecnologia à população, Ferrari explicou que nos últimos dois anos houve um grande avanço nas legislações nacionais, assim como desoneração tributária, o que são fatores importantes para abrir caminho ao 5G.

Entretanto, disse ele, existem pontos a avançar. “A carga tributária de telecomunicações, que é proibitiva para determinada faixa da população, pois nossa carga tributária é quase 50%, enquanto no resto do mundo é 10%. Eu também cito as leis municipais de antenas. Ou seja, cada município tem uma lei de antena, porém as autoridades locais não se atentaram à importância de adequar as leis municipais de antenas para a lei federal de antena.”

Outro ponto importante na avaliação de Ferrari é a baixa qualificação da mão de obra e a incidência de roubos e furtos de cabos.

 

Tópicos

Mais Recentes da CNN