Projeto abre vagas de emprego para vítimas de violência doméstica

Com 25 empresas parceiras, o programa social “Tem Saída” já empregou 160 mulheres na capital paulista

Danúbia Bragada CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

A Prefeitura de São Paulo firmou uma parceria com órgãos da Justiça em um projeto que estimula a contratação e a busca de vagas de emprego para mulheres vítimas de violência doméstica. 

Com 25 empresas parceiras, o programa social “Tem Saída” já empregou 160 mulheres na capital paulista. Ao todo, 829 mulheres já estão inscritas no programa. 

O projeto foi criado em 2018, com o objetivo de trazer autonomia financeira a mulheres em situação de violência doméstica e familiar. 

A porta de entrada é justamente o pedido de socorro feito às autoridades, que vão encaminhar as vítimas de todo o tipo de violência doméstica. Após as providências legais e apoio emocional, as mulheres são direcionadas ao processo seletivo. 

A ação é uma parceria entre a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Trabalho da Prefeitura de São Paulo, Ministério Público, Defensoria Pública, Tribunal de Justiça, OAB SP e ONU Mulheres.

O projeto ainda conta com o apoio de empresas privadas que viabilizam as vagas de emprego para as mulheres atendidas pela ação.

Mais Recentes da CNN