Taxa de desemprego dos países da OCDE em outubro fica em 5,7%

Queda de 0,1 ponto percentual deve ser vista com cautela, diz a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico

Número de trabalhadores desempregados na OCDE caiu 200 mil
Número de trabalhadores desempregados na OCDE caiu 200 mil OCTAVIO JONES

André Marinho, do Estadão Conteúdo

Ouvir notícia

A taxa de desemprego dos países da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) caiu de 5,8% em setembro a 5,7% em outubro, informou a entidade nesta quarta-feira (8).

Segundo a Organização, o número de trabalhadores desempregados na OCDE caiu 200 mil, a 38,3 milhões – 2,8 milhões acima do nível pré-pandemia. A taxa de desemprego entre mulheres ficou estável em 6% e entre homens recuou de 5,6% a 5,5%.

“A queda na taxa de desemprego da área da OCDE em comparação com o pico de abril de 2020 deve ser interpretada com cautela, pois reflete em grande parte o retorno de trabalhadores demitidos temporariamente nos Estados Unidos e Canadá, onde são registrados como desempregados, ao contrário da maioria outros países”, explica a OCDE.

Mais Recentes da CNN