Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Amazon passa a exigir trabalho presencial 3 dias por semana em seus escritórios

    Mudança marca o fim da política de estímulo ao trabalho remoto ou híbrido que a companhia vinha dando a seus funcionários

    Brian Fungda CNN

    em Washington

     

    A Amazon está ordenando que milhares de seus funcionários voltem ao escritório por pelo menos três dias por semana, de acordo com um comunicado da empresa assinado pelo CEO Andy Jassy na sexta-feira (17).

    A mudança, que entra em vigor em 1º de maio, marca o fim da política de estímulo ao trabalho remoto ou híbrido que existia anteriormente na Amazon. Também ocorre um mês depois que a varejista confirmou planos de demitir mais de 18 mil trabalhadores em meio a uma incerteza mais ampla na economia.

    Ao defender a mudança de política, Jassy argumentou que o trabalho presencial levaria a uma melhor colaboração e cultura da empresa.

    “Não é simples trazer milhares de funcionários de volta aos nossos escritórios em todo o mundo, então vamos dar às equipes que precisam fazer esse trabalho algum tempo para desenvolver um plano”, escreveu Jassy na mensagem.

    “Sabemos que não será perfeito no começo, mas a experiência do escritório melhorará constantemente nos próximos meses (e anos).”

    Jassy também disse que a exigência do trabalho presencial dará um impulso às economias locais onde os escritórios da Amazon estão localizados, destacando as “localizações urbanas da sede da empresa em Puget Sound, Virgínia, Nashville e dezenas de cidades ao redor do mundo onde nossos funcionários vão para o escritório.”

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original