Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Brasil sobe uma posição e volta a ser 12ª maior economia do mundo em 2022

    País cresceu 2,9% em 2022; em 2021, prejudicado pela forte desvalorização do real frente ao dólar, havia caído para a 13ª posição

    Juliana Eliasda CNN

    em São Paulo

    Depois de crescer 2,9% em 2022, o Brasil melhorou sua posição na economia global e voltou a ser o 12º país mais rico do mundo (veja a lista completa ao fim).

    Em 2021, o país havia caído para a 13ª colocação, prejudicado, em grande parte, pela forte perda de valor do real frente ao dólar naquele ano.

    O ranking é calculado pela agência de classificação de risco Austin Rating e leva em consideração o valor do Produto Interno Bruto de cada país convertido para dólares – por isso, a cotação das moedas locais também influencia na lista, além da taxa de crescimento.

    O PIB brasileiro, divulgado nesta quinta-feira (2) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, somou R$ 9,9 trilhões no ano passado. Em dólares, foram US$ 1,92 trilhão.

    A lista das maiores economias do mundo continua sendo liderada pelos Estados Unidos, com um PIB de US$ 25 trilhões e que representa, sozinho, cerca de 25% de toda a riqueza do mundo. É seguido pela China, com US$ 18,3 trilhões e 18% do PIB global.

    O Brasil, que, em seu melhor momento, chegou a ser a sexta maior economia global em 2011, foi perdendo posições após a dura recessão doméstica que viveu em 2015 e 2016, e foi em 2020, com a crise gerada pela pandemia, que deixou de fazer parte do grupo das 10 economias mais ricas do mundo.