Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Com pressa para aprovação, Haddad se reúne com relator de proposta de taxação de “super-ricos”

    A equipe econômica admite nos bastidores que aceita reduzir a alíquota proposta para a tributação dos fundos exclusivos e também para os investimentos em offshores se isso viabilizar a votação da matéria

    Ministro da Fazenda, Fernando Haddad 
    Ministro da Fazenda, Fernando Haddad  Fotos: Diogo Zacarias

    Renata Agostinida CNN

    Brasília

    Com pressa para ver a taxação dos “super-ricos” aprovada, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, se reúne nesta terça-feira (3) com o relator da proposta. O deputado Pedro Paulo (PSD-RJ) foi apontado ontem pelo presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), para a relatoria, e um encontro já foi agendado para esta tarde.

    A equipe econômica admite nos bastidores que aceita reduzir a alíquota proposta para a tributação dos fundos exclusivos e também para os investimentos em offshores se isso viabilizar a votação da matéria.

    O diagnóstico do time de Haddad é que o projeto tem de ser aprovado ainda nesta semana diante do risco de nova paralisação dos trabalhos da Casa. A oposição vem ameaçando obstruir as votações.

    A equipe do Ministério da Fazenda viu com bons olhos a fusão das propostas de taxação dos fundos exclusivos e de offshores em um só projeto por entender que isso facilitaria o trâmite.

    Não é a mesma visão para a eventual inclusão do plano de acabar com a dedução dos juros sobre capital próprio. A leitura é que, caso isso embaralhe o debate, o projeto pode ficar para discussão num segundo momento.

    Veja também: “Superaplicativo” do BC deve substituir apps dos bancos