Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Plural

    Encontro promete debater a importância da diversidade e inclusão nas empresas

    O evento vai reunir porta-vozes do Mercado Livre e da B3, na próxima terça-feira (29) em São Paulo.

    Ângela Faria, Sônia Lesse, Alexandre Kiyohara e Victor Lambertucci debatem sobre D&I nas empresas.
    Ângela Faria, Sônia Lesse, Alexandre Kiyohara e Victor Lambertucci debatem sobre D&I nas empresas. Divulgação

    Amanda Alvesda CNN

    São Paulo

    Diversidade e inclusão tem sido um assunto recorrente nas grandes empresas. De acordo com a Associação Brasileira de Comunicação Empresarial – a Aberje, 15% do PIB brasileiro corresponde ao faturamento das empresas que apresentam programas de D&I.

    Para o CEO da Profissas, Victor Lambertucci, essas ações possuem um papel fundamental para ‘colorir’ o mercado de trabalho. “Reunimos lideranças, profissionais de RH, embaixadores de diversas marcas e representatividades para agir de forma intencional e ativa por um ambiente corporativo cada vez mais equitativo”, afirma.

    De acordo com o estudo “A diversidade como alavanca de performance” realizado pela consultoria McKinsey, empresas com diversidade de gênero faturam 21% a mais. Ainda de acordo com a pesquisa, organizações com diversidade étnica e cultural lucram 33% acima do esperado.

    O Café Profissas vai reunir porta-vozes do Mercado Livre e da B3, na próxima terça-feira (29). / Divulgação

    A Head de Diversidade, Equidade e Inclusão do Mercado Livre, Ângela Faria, pontua que as empresas precisam pensar no presente e no futuro. “Temos um pilar focado em impulsionar uma sociedade mais inclusiva. O Mercado Livre tem quase 40 mil funcionários, não adianta só refletir uma necessidade demográfica”, conta.

    O evento é gratuito e terá pautas como posicionamento institucional e políticas pró-cultura inclusiva; o papel da liderança na diversidade e inclusão, entre outros temas.

    “2023 será o ano de ambientes mais inclusivos. Queremos mais e mais programas de inclusão e acessibilidade”, conclui.

    O Head de Diversidade e Inclusão na B3, Alexandre Kiyohara, que também estará no encontro, diz que entre os anos de 2018 e 2022, a empresa avançou de 8% de pessoas negras no grupo para 24%.

    “Queremos ser referência em diversidade e inclusão. O nível de maturidade que alcançamos impactou dentro dos espaços corporativos. Agora queremos atingir o nosso mercado e o mercado financeiro como um todo” declara.

    Essa será a segunda edição do evento com lideranças e profissionais de RH de grandes empresas para debater “Tendências e aprendizados em D&I e Educação Corporativa”. Qualquer pessoa pode participar do encontro de forma gratuita, basta acessar o link.