Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    82% da população vê influência de juros altos no custo de vida, aponta pesquisa

    Preocupação dos brasileiros para com taxa de juros coloca país em segundo lugar no ranking das 36 nações que integram o levantamento

    Média mundial ficou em 68%
    Média mundial ficou em 68% Shutterstock

    Tamara Nassifdo CNN Brasil Business em São Paulo

    A percepção de 82% da população é de que o elevado patamar da taxa Selic contribui para o aumento do custo de vida no Brasil, aponta a pesquisa Monitor Global da Inflação, do Instituto Ipsos.

    A preocupação dos brasileiros para com a taxa de juros coloca o país em segundo lugar no ranking das 36 nações que integram o levantamento, em empate com Romênia e África do Sul. A Coreia do Sul lidera, com 85%, enquanto a média mundial ficou em 68%.

    Emirados Árabes, China e Arábia Saudita compõem a lanterna do ranking, com 46%, 42% e 32%, respectivamente.

    A pesquisa do Ipsos também monitorou a posição dos entrevistados quanto à inflação ao consumidor. Entre os brasileiros, 16% acreditam que a alta de preços terá aumento expressivo em 2023, colocando o país em penúltimo lugar no ranking. Apenas a China, com 8%, teve um resultado menor.

    A média global, neste quesito, foi de 35%.

    Perspectivas salariais para 2023

    Ainda segundo o Ipsos, 57% dos brasileiros esperam receber um aumento salarial no ano que vem — atrás apenas dos colombianos, que são em 60%. Da outra ponta, peruanos, japoneses e italianos compõem as últimas posições do ranking, com, respectivamente, 28%, 22% e 19%.

    Aqui, a média global é de 45%.

    O Monitor da Inflação consultou mais de 24 mil pessoas entre 21 de outubro e 4 de novembro. A margem de erro para o Brasil é de 3,5 pontos percentuais.

    Além do Brasil, integram a pesquisa: Arábia Saudita, África do Sul, Argentina, Alemanha, Austrália, Bélgica, Canadá, Coréia do Sul, Chile, China, Colômbia, Dinamarca, Emirados Árabes, Estados Unidos, Espanha, França, Grã-Bretanha, Holanda, Hungria, Índia, Indonésia, Itália, Israel, Irlânda, Japão, Malásia, México, Peru, Polônia, Romênia, Singapura, Suécia, Suíça, Tailândia, Turquia.