Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    JPMorgan prevê aumentar receita líquida de juros em 25% este ano após compra do First Republic

    Projeção é maior que a estimativa anterior, de US$ 81 bilhões, feita antes da transação

    Dow Jones Newswires, do Estadão Conteúdo

    O JPMorgan prevê aumentar sua receita líquida de juros (NII, na sigla em inglês) em 25% este ano, para US$ 84 bilhões, devido ao acordo de compra do First Republic Bank. A projeção é maior que a estimativa anterior, de US$ 81 bilhões, feita antes da transação.

    A informação foi divulgada em slides apresentados pela empresa em seu Investor Day.

    O banco calcula que, no médio prazo, o NII deve ficar em torno de US$ 70 bilhões, refletindo uma queda esperada nas taxas de juros.

    A previsão pode ser influenciada pelo preço dos depósitos e das ações do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA).

    Apesar da instabilidade no setor bancário americano, o JPMorgan está em alta este ano. Antes do dia do investidor, as ações do banco subiram 9,3% em 2023, superando o ganho de 3,8% no S&P 500 e a queda de 23% no KBW Nasdaq Bank Index (BKX).

    A expectativa do mercado é que, até o fim desta segunda-feira, o banco apresente novas projeções sobre suas linhas de negócio.