Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Mercado reduz previsão de inflação para 2023 pela 2ª semana consecutiva, aponta Focus

    Previsão para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo foi reduzido para 5,93% ante 5,95% da semana passada

    Samantha Kleinda CNN em Brasília

    Economistas do mercado financeiro reduziram a previsão para a inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), em 2023, segundo boletim Focus divulgado nesta segunda-feira (27).

    A previsão para o índice foi reduzido para 5,93% ante 5,95% da semana passada. Nos sete dias anteriores, a expectativa era de fechamento do ano com o índice inflacionário em 5,96%.

    Já a projeção para o crescimento econômico do Brasil em neste ano teve leve elevação. Segundo o Focus, o PIB total deve ser de 0,90% neste ano. Há uma semana, era projetada a variação de 0,88% para o Produto Interno Bruto em relação a 2022.

    A mediana das projeções para a taxa Selic manteve-se em 12,75% para o fim de 2023, assim como nas semanas anteriores. O mesmo acontece com a previsão para 2024, que ficou em 10%, e 2025, fixada em 9%.

    O mercado também atualizou as previsões para a dívida líquida do setor público. Segundo a pesquisa, o endividamento deve encerrar o ano em 61% do PIB, enquanto na semana passada, a previsão era de 60,9% em relação ao PIB.

    Em relação ao dólar, foi mantida a projeção da moeda fechar 2023 em R$ 5,25. Já para 2024 e 2025, segue a mediana das projeções para manutenção do valor em R$5,30.