Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Fitch rebaixa rating dos EUA de AAA para AA+

    Rebaixamento ocorre depois que os legisladores negociaram até o último minuto um acordo sobre o teto da dívida, arriscando o primeiro calote do país

    Elisabeth Buchwaldda CNN

    A Fitch Ratings rebaixou a classificação da dívida dos Estados Unidos nesta terça-feira (1º) de sua classificação mais alta AAA para AA+.

    O rebaixamento ocorre depois que os legisladores negociaram até o último minuto um acordo sobre o teto da dívida, arriscando o primeiro calote do país.

    “Discordo veementemente da decisão da Fitch Ratings”, disse a secretária do Tesouro, Janet Yellen, em comunicado na terça-feira. “A mudança anunciada hoje pela Fitch Ratings é arbitrária e baseada em dados desatualizados.”

    A última vez que a dívida dos EUA foi rebaixada por outra grande agência de classificação de crédito, a S&P, ocorreu em 2011, quando as negociações sobre o teto da dívida também foram arriscadas.

    Na ocasião, a mudança teve tremendos impactos no mercado, levando a quedas acentuadas nas ações e aumento dos rendimentos dos títulos.

    Os mercados nesta terça-feira não se incomodaram com o rebaixamento da Fitch nas negociações após o expediente.

    O ex-secretário do Tesouro Larry Summers disse que a decisão da Fitch é “bizarra e inepta”, especialmente porque a economia dos EUA “parece mais forte do que o esperado”, disse ele em um post no Twitter, agora formalmente conhecido como X.

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original