Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Ford diz que nova regra dos EUA vai reduzir pela metade compensação fiscal para seus elétricos

    Modelos que atualmente recebem créditos - Ford Mustang Mach-E, Ford E-Transit, Ford Escape Plug-In Hybrid e Lincoln Corsair Grand Touring - verão os créditos caírem para US$ 3.750

    Ford disse em março que espera que sua unidade de negócios de veículos elétricos perca US$ 3 bilhões este ano
    Ford disse em março que espera que sua unidade de negócios de veículos elétricos perca US$ 3 bilhões este ano 01/12/2022REUTERS/Phil Noble

    Por David Shepardson e Nathan Gomes, da Reuters

    A Ford disse nesta quarta-feira (5) que quatro de seus seis modelos híbridos elétricos e elétricos plug-in terão os créditos fiscais reduzidos pela metade para US$ 3.750, em 18 de abril, após a entrada em vigor das novas regras do Tesouro dos Estados Unidos.

    Apenas a picape F-150 Lightning e o Lincoln Aviator Grand Touring ainda serão elegíveis para um crédito de US$ 7.500. Os outros modelos que atualmente recebem créditos – Ford Mustang Mach-E, Ford E-Transit, Ford Escape Plug-In Hybrid e Lincoln Corsair Grand Touring – verão os créditos caírem para US$ 3.750.

    A orientação mais rígida do Tesouro dos EUA sobre fornecimento de baterias de veículos elétricos emitida na sexta-feira elege novos requisitos de crédito para minerais cruciais e componentes de bateria.

    A Ford disse em março que espera que sua unidade de negócios de veículos elétricos perca US$ 3 bilhões este ano, mas continuará no caminho de uma margem antes dos impostos de 8% até o final de 2026.

    As vendas de veículos elétricos da montadora aumentaram 41% no primeiro trimestre, mostraram dados divulgados na terça-feira.

    A General Motors disse na semana passada que espera que alguns veículos elétricos se qualifiquem para o crédito fiscal de US$ 7.500 após a nova orientação entrar em vigor, incluindo o Cadillac Lyriq e as próximas SUVs Chevrolet Equinox EV e Blazer EV.

    A GM atualmente recebe esse valor pelo Chevrolet Bolt e o próximo Chevrolet Silverado EV pode ser elegível. A montadora disse que espera que os veículos Bolt ainda se qualifiquem para algum nível de crédito.

    A Tesla disse na semana passada que o crédito de tração traseira do Model 3 será reduzido como resultado da orientação.

    Todos os créditos fiscais ao consumidor de veículos elétricos norte-americanos exigem que os veículos sejam montados na América do Norte e tenham limites de renda e preço para o varejo.

    Os veículos elétricos adquiridos por meio de leasing podem se qualificar para até US$ 7.500 em créditos fiscais para veículos comerciais limpos sem as restrições. Esses créditos vão para a empresa proprietária do veículo, e não para o consumidor que fez o leasing.