Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Futuro da Braskem segue indefinido, mas Petrobras avalia propostas

    Jean Paul Prates disse que companhia tem "privilégio" de ser última a se manifestar e que vai analisar todas as ofertas que estão na mesa

    Por Marta Nogueira, da Reuters

    A Petrobras vai analisar todas as ofertas feitas por interessados na compra da petroquímica Braskem e considera que as discussões ainda estão longe de serem definidas, disseram executivos da companhia nesta quarta-feira (19).

    Em café da manhã com jornalistas, o diretor financeiro da Petrobras, Sergio Caetano Leite, afirmou que o negócio petroquímico é “sempre do interesse” de petrolíferas, mas que ainda não é possível ter uma decisão sobre o futuro da Braskem, da qual a Petrobras é uma das principais acionistas.

    Já o presidente-executivo da Petrobras, Jean Paul Prates, disse que a companhia tem o “privilégio” de ser a última a se manifestar e que vai analisar todas as ofertas que estão na mesa.

    Três grupos já entregaram propostas aos bancos credores da Novonor (antiga Odebrecht) pela compra do controle acionário da Braskem: Unipar, um consórcio entre a gestora Apollo e a petrolífera do Oriente Médio Adnoc, e a brasileira J&F.

    Mais Recentes da CNN

    Mais Recentes da CNN