Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Itaúsa tem lucro líquido de R$ 3,56 bilhões no 3° trimestre

    Holding tem crescimento de 51% no período contra ano anterior

    Itaúsa
    Itaúsa Itaúsa / Divulgação

    da Reuters

    A holding Itaúsa divulgou nesta sexta-feira (11) crescimento de 51% no lucro no terceiro trimestre contra um ano antes, ajudada pelo resultado do Itaú Unibanco e pela venda de ações da XP Inc..

    O lucro líquido foi de R$ 3,56 bilhões entre julho e setembro, alta de 50,6% em comparação a igual período do ano passado.

    A Itaúsa é uma empresa de participações, sendo controladora do Itaú, o maior banco privado da América Latina, além de possuir fatias em companhias como a Alpargatas, dona da marca Havaianas, e a operadora de infraestrutura CCR.

     

    “O crescimento reflete solidez do portfólio e ganho com giro de ativos”, disse a Itaúsa em comunicado de resultados. A empresa afirmou que as contribuições vieram principalmente de Itaú e da companhia de transporte de gás natural NTS.

    A Itaúsa ainda mencionou ganho de capital com a venda de ações da XP realizada em julho por R$ 665 milhões.

    A Itaúsa vem reduzindo sua participação na XP, à medida que não vê o ativo como estratégico. Na véspera, a holding revelou uma nova operação na qual levantou R$ 1,5 bilhão ao desfazer-se de mais 15,5 milhões de papéis.

    Só neste ano, a holding já vendeu 41 milhões de ações da XP por R$ 4,6 bilhões, diminuindo sua fatia a 6,39% do capital da corretora e empresa de investimentos.