Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    “Ele não tem receio”, diz advogado de Pedro Guimarães sobre acusações de assédio

    Advogado do ex-presidente da Caixa diz que seu cliente "quer a apuração mais rigorosa" das denúncias de assédio contra funcionárias do banco

    Basília Rodriguesda CNN

    José Oliveira Lima, advogado do ex-presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, afirmou à CNN que seu cliente “quer a apuração mais rigorosa” das denúncias de assédio contra funcionárias do banco e que ao final “ficará provada a inocência de Guimarães”.

    De acordo com o advogado, o ex-executivo da Caixa “não tem receio” das acusações e dos processos que enfrentará.

    Nesta segunda-feira (4), o Ministério Público do Trabalho fez uma inspeção na sede da Caixa, em Brasília. Também decidiu incluir assédio moral na lista de crimes investigados em que já consta a acusação de assédio sexual.

    Perguntado pela CNN, o advogado de Pedro Guimarães ressaltou que ele tem convicção de sua inocência quanto aos dois tipos de assédio, tanto sexual quanto moral, apesar da série de relatos de funcionárias e também da divulgação de áudios que teriam sido capturados em reuniões do banco com xingamentos e declarações ameaçadoras atribuídas a Pedro Guimarães.

    A defesa afirmou à CNN que ainda não teve acesso às investigações. Além do Ministério Público do Trabalho, o Ministério Público Federal também investiga o caso.

    Guimarães tem evitado entrevistas. Na carta de demissão da Caixa, entregue na quarta-feira passada, ele afirmou que “as acusações não são verdadeiras e não refletem a minha postura profissional e nem pessoal” e defendeu apuração isenta.