Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Fed mantém taxa de juros estável e diz que precisa de mais “confiança” na queda da inflação antes de cortes

    Atenta aos riscos, autoridade diz que inflação diminuiu no último ano, mas continua elevada

    Reuters

    O Federal Reserve (Fed, da sigla em inglês) deixou a taxa básica de juros inalterada nesta quarta-feira (31), mas deu um passo importante para reduzi-la nos meses à frente em uma declaração de política monetária que contrabalançou preocupações com a inflação com outros riscos para a economia norte-americana e retirou uma referência de longa data a possíveis novos aumentos nos custos de empréstimos.

    A mais recente declaração de política monetária do banco central dos Estados Unidos não deu qualquer indício de que um corte nos juros é iminente e afirmou que o Comitê Federal de Mercado Aberto, que define a política monetária, “não espera que seja apropriado reduzir a faixa de juros até que tenha adquirido maior confiança de que a inflação está se movendo de forma sustentável em direção a 2%”, a meta de inflação do Fed.

    “A inflação diminuiu no último ano, mas continua elevada”, disse o Fed no comunicado após uma reunião de dois dias, reafirmando que as autoridades “continuam muito atentas aos riscos da inflação”.