Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Feirão da Serasa oferece descontos para dívidas de até 107 milhões de consumidores

    Haverá um total de 365 milhões de ofertas para renegociar as dívidas, sendo que 113 milhões poderão ser quitadas por um valor de até R$ 100

    O "feirão" da Serasa reúne 425 empresas
    O "feirão" da Serasa reúne 425 empresas Mikhail Nilov/Pexels

    Daniel Rittnerda CNN Brasília

    Às vésperas do lançamento do Desenrola, programa do governo que buscará viabilizar o refinanciamento de dívidas de pessoas físicas, a Serasa lança nesta semana um novo mutirão com descontos e facilidades para até 107 milhões de brasileiros endividados.

    O “feirão” da Serasa reúne 425 empresas. Bancos, financeiras, universidades, operadoras de telefonia e distribuidoras de energia elétrica estão entre essas companhias.

    Haverá um total de 365 milhões de ofertas para renegociar as dívidas, sendo que 113 milhões poderão ser quitadas por um valor de até R$ 100.

    No último mutirão feito pela Serasa, em novembro do ano passado, 7 milhões de pessoas refinanciaram suas dívidas e voltaram a ter acesso a crédito. Na ocasião, foram oferecidos descontos no valor total de aproximadamente R$ 20 bilhões.

    O novo feirão começa nesta segunda-feira (27) e vai até 31 de março. Além dos canais digitais disponibilizados pela Serasa, com pagamento via pix e baixa instantânea do nome negativado, estão programadas três tendas físicas para a renegociação de dívidas — em Brasília, São Paulo e Fortaleza.

    Também será possível realizar consultas e negociações presencialmente em mais de 11 mil agências dos Correios espalhadas pelo país, que oferecem as mesmas condições, mediante o pagamento de uma taxa de R$ 3,60.

    O Brasil tem atualmente 70 milhões de consumidores inadimplentes, segundo a Serasa. Nem apenas as pessoas em inadimplência (com parcelas atrasadas há mais de 90 dias), mas também os endividados com prestações em dia e que queiram antecipar a quitação podem obter descontos.

    O valor médio da dívida do brasileiro inadimplente é de R$ 4.612 e o volume total da cifra devedora chega a R$ 323 bilhões. Os segmentos que mais concentram dívidas são bancos e cartões (29,6%), contas de água e luz (21,5%), as empresas varejistas (11,3%).

    Serviço de tendas físicas de renegociação:

    • Brasília
      Data: 28/2 a 4/3
      Horário: 8h às 18h
      Local: Estacionamento Superior Sul, Terminal Rodoviário do Plano Piloto – Zona Central
    • São Paulo
      Data: 7 a 11/3
      Horário: 8h às 18h
      Local: Largo da Batata, Av. Brigadeiro. Faria Lima, S/N – Pinheiros
    • Fortaleza
      Data: 14 a 18/3
      Horário: 8h às 18h
      Local: Praça do Ferreira, R. Floriano Peixoto – Centro