Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Intenção de consumo das famílias paulistanas cai em maio pelo terceiro mês seguido

    Apesar do recente resultado negativo, em comparação com mesmo mês de 2023, índice registrou crescimento de 9,3%

    Intenção de consumo das famílias paulistanas registra queda pelo terceiro mês seguido
    Intenção de consumo das famílias paulistanas registra queda pelo terceiro mês seguido Foto: Marcello Casal/JrAgência Brasil

    Carol Raciunascolaboração para a CNN

    O Índice de Consumo das Famílias (ICF) caiu 0,8% na cidade de São Paulo na comparação entre maio e abril de 2024, segundo levantamento da Fecomercio-SP que mede a tendência a curto e médio prazo.

    Em maio, o índice registrou 109,3 pontos, o terceiro mês seguido de retração. Este é o menor patamar desde agosto de 2023, quando o ICF foi de 107,5 pontos.

    Apesar da queda, o resultado ainda é positivo quando comparado ao mesmo mês do ano passado. Em maio de 2023, o ICF chegou a 100 pontos, demonstrando um crescimento de 9,3% na intenção de consumo das famílias da capital paulista.

    Segundo a Fecomercio-SP, o resultado pode ter sido influenciado pela inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (IPCA).

    No mês passado, o indicador acelerou para 0,46%, conforme dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

    Futuro profissional recua 3%

    O Índice mediu ainda a percepção quanto ao futuro profissional, que teve queda de 3% em comparação com o resultado de abril.

    Na publicação dos dados, a Fecomercio-SP avalia que a insegurança sobre a carreira impacta outros indicadores, como o da perspectiva de consumo. Este também registrou queda, ainda que menor, de 1,6% em comparação com o mês anterior. 

    Os indicadores de emprego atual, renda atual, acesso ao crédito e nível de consumo atual se mantiveram estáveis em comparação com o mês passado.

    Em comparação com maio de 2023, todos os índices, incluindo perspectiva profissional, perspectiva de consumo e momento para duráveis, registraram variação positiva.