Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Nota Fiscal Paulista libera quase R$ 35 milhões em créditos a consumidores; veja como sacar

    Valor concedido neste mês ficará disponível para resgate durante um ano pelo site do programa

    Nota Fiscal Paulista libera quase R$ 35 milhões em créditos a consumidores
    Nota Fiscal Paulista libera quase R$ 35 milhões em créditos a consumidores 1

    Carol Raciunascolaboração para a CNN

    A Secretaria da Fazenda e Planejamento de São Paulo (Sefaz-SP) liberou, nesta segunda-feira (17), R$ 34,7 milhões em créditos a quem participou da Nota Fiscal Paulista e fez compras em fevereiro deste ano. 

    Entre as mais de 14 milhões de pessoas com direito ao valor, estão Pessoas Físicas, condomínios, entidades beneficentes e Pessoas Jurídicas que optam pelo regime do Simples Nacional.

    Do total, R$ 19 milhões serão destinados a entidades beneficentes de São Paulo. Outros R$ 15 milhões seguirão para Pessoas Físicas cadastradas no programa e que pediram a inclusão do CPF na nota fiscal ao realizar compras.

    Para verificar o valor e resgatá-lo, é preciso acessar o site ou o aplicativo da Nota Fiscal Paulista. A previsão é de que o valor caia na conta em até 20 dias. O crédito fica disponível durante um ano para que os consumidores façam o resgate.

    Só em 2024, mais de R$ 254 milhões foram liberados em créditos pela Sefaz-SP. Vale lembrar que os valores liberados mensalmente correspondem à distribuição de 30% do ICMS recolhido pelos estabelecimentos comerciais aos consumidores que pedem CPF na nota.

    Saiba como resgatar

    Para transferir o crédito para uma conta-corrente ou poupança, o beneficiário pode utilizar o aplicativo oficial da Nota Fiscal Paulista pelo tablet ou smartphone, ou acessar o serviço pela internet.

    Em seguida, deve informar o CPF/CNPJ, senha cadastrada e solicitar a opção desejada. Em caso de conta-corrente, a mesma deve ter saldo para que o depósito seja realizado.

    Para realizar operações de valor elevado, o consumidor deve fazer o acesso via certificado digital.

    Caso deseje realizar o depósito em conta bancária, o titular deve informar:

    • Número da agência;
    • Número da conta (corrente ou poupança).

    Em ambas opções, os valores serão creditados na conta indicada em até 20 dias. Uma vez realizada, a operação não pode ser cancelada.