Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Rock in Rio faz ocupação hoteleira chegar a 80% na cidade do Rio

    Associação estima que 360 mil turistas se hospedem para o evento; região mais próxima do festival é a mais procurada

    Na última edição do festival, em 2019, a primeira semana teve uma média de 78% de ocupação
    Na última edição do festival, em 2019, a primeira semana teve uma média de 78% de ocupação Raul Aragão / I Hate Flash

    Beatriz Puenteda CNN no Rio de Janeiro

    O Rock in Rio já movimenta os hotéis da cidade do Rio de Janeiro. Segundo a associação do setor, a HotéisRIO, a média de quartos reservados nas datas dos shows é de 80%. Para o primeiro final de semana, de 2 a 4 de setembro, a ocupação é de 77%. Já no segundo, entre os dias 8 e 11, a taxa é de 83%.

    Na região mais próxima do local do evento, como os bairros da Barra da Tijuca e São Conrado, os hotéis registram 84% de ocupação.

    Segundo a HotéisRIO, serão aproximadamente 360 mil pessoas de fora do Rio ao longo dos sete dias de evento. Destes, 10 mil serão estrangeiros de 31 países diferentes.

    “O festival tem o nome do Rio de Janeiro e traz muita alegria para a gente, principalmente para o setor de turismo. Que venham os roqueiros para a cidade do rock”, afirmou o presidente do HotéisRIO, Alfredo Lopes.

    Na última edição do festival, em 2019, a primeira semana teve uma média de 78% de ocupação, superior à registrada na edição de 2017, que ficou em 75%.

    Já a segunda semana de Rock in Rio em 2019 atingiu 87% de quartos reservados, índice também maior que o registrado em 2017, quando a taxa foi de 82%.