Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Investidores com ações de Trump já perderam mais da metade do seu dinheiro

    Nesta sexta-feira (12), ações do proprietário da Truth Social caíram mais 5% e a Trump Media já vale menos da metade

    Logo da Truth Social
    Logo da Truth Social 21/02/2022 - REUTERS/Dado Ruvic/Ilustração

    Matt Eganda CNN

    Nova York

    As ações do Trump Media & Technology Group estão em queda. O preço das ações do proprietário do Truth Social caiu mais 5% a partir do meio-dia desta sexta-feira (12), deixando-o no caminho certo para o sétimo dia de perdas dos últimos oito.

    O único ganho durante esse período foi um pequeno ganho de 0,8% na terça-feira (9).

    A Trump Media está sendo negociada agora abaixo de US$ 31 (cerca de R$ 158). Isso está muito longe do pico intradiário de quase US$ 80 em 26 de março, dia em que abriu seu capital na Nasdaq sob o símbolo “DJT”.

    Na verdade, quem comprou a Trump Media na alta de fechamento de US$ 66,22 (cerca de R$ 339) em 27 de março já perdeu mais da metade de seu dinheiro.

    A forte venda prejudicou o patrimônio líquido do ex-presidente Donald Trump, que possui uma participação dominante de 78,8 milhões de ações na empresa, a qual gera pouca receita e está perdendo usuários.

    Na alta de fechamento do preço das ações da Trump Media, a participação do ex-presidente foi avaliada em US$ 5,2 bilhões (R$ 26,67 bilhões). Desde então, o valor dessas ações despencou para cerca de US$ 2,4 bilhões (cerca de R$ 12 bilhões).

    “O Truth Social criou uma base de apoio à liberdade de expressão contra a Big Tech por uma fração dos custos iniciais e operacionais incorridos pelas empresas de tecnologia tradicionais. Não temos dívidas, temos mais de US$ 200 milhões no banco e o apoio de centenas de milhares de investidores de varejo que acreditam fervorosamente em nossa missão”, disse a porta-voz da Trump Media, Shannon Devine, em um comunicado à CNN.

    As perdas acentuadas ressaltam o motivo pelo qual alguns especialistas alertaram os investidores de varejo para que não se preocupem com essas ações.

    A Trump Media revelou ter perdido US$ 58 milhões em 2023 com uma receita muito pequena de apenas US$ 4,1 milhões.

    No entanto, a empresa ainda está sendo avaliada em bilhões de dólares, o que deixa os especialistas perplexos.

    Uma maneira comum de avaliar ações é medir sua relação preço/vendas. Mesmo que o preço das ações da Trump Media caísse para pouco mais de US$ 1, ela ainda teria uma relação preço/vendas muito mais acentuada do que Meta, Pinterest, Snap, Reddit ou mesmo Rumble, de acordo com Matthew Kennedy, da Renaissance Capital.

    O bilionário Barry Diller, presidente da Expedia e proprietário da People Magazine, IAC, chegou a dizer à CNBC que a Trump Media é uma “fraude” e que as pessoas que a compram são “idiotas”.

    Shannon Devine, porta-voz da Trump Media, denunciou recentemente as críticas, dizendo que “não é surpreendente ver os odiadores obstinados de Trump e os defensores da esquerda explodirem agora que a Truth Social se tornou uma empresa pública que, ainda hoje, se recusa a suprimir a expressão política”.

    Embora as ações da Trump Media estejam caindo ultimamente, elas continuam em alta de mais de 74% no ano, considerando os ganhos da empresa de cheque em branco com a qual ela se fundiu.