Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Minério de ferro tem novo ganho semanal com estímulo da China

    O minério mais negociado em janeiro na Bolsa de Mercadorias de Dalian (DCE) encerrou a semana com um aumento de 2,7%

    Carregamento de minério de ferro na Índia
    Carregamento de minério de ferro na Índia REUTERS/Danish Siddiqui

    da Reuters

    O preço do minério de ferro subiu pela segunda semana consecutiva, sustentado pelo otimismo relacionado a estímulos e pelos fundamentos favoráveis na China, principal consumidor mundial do minério, embora os ganhos tenham se reduzido na sexta-feira devido ao temor de uma possível supervisão governamental.

    O principal ingrediente siderúrgico também se beneficiou da melhora do sentimento após uma importante reunião de política financeira no início desta semana e após o mais recente estímulo fiscal na maior economia da Ásia.

    O minério de ferro mais negociado em janeiro na Bolsa de Mercadorias de Dalian (DCE) encerrou a sessão do dia com alta de 0,43%, a 924,5 iuanes (126,38 dólares) a tonelada nesta sexta-feira, fechando a semana com um aumento de 2,7%, depois de atingir uma alta intradiária de 936 iuan a tonelada no início da sessão, vista pela última vez em março.

    O minério de ferro de referência para dezembro na Bolsa de Cingapura mostrou pouca variação, sendo negociado a 122,5 dólares a tonelada, com um aumento de 0,6% nesta semana.

    Os formuladores de política chineses disseram, durante uma reunião realizada duas vezes por década, em 30 e 31 de outubro, que Pequim reforçaria os esforços para reduzir os riscos da dívida local e ajudaria com demandas razoáveis de financiamento para todos os tipos de empresas imobiliárias.

    Isso ocorreu depois que a China aprovou na semana passada uma emissão de títulos soberanos de 1 trilhão de iuanes e aprovou um projeto de lei para permitir que os governos locais antecipassem parte de suas cotas de títulos de 2024 para apoiar a economia.

    Os fundamentos saudáveis também apoiaram o minério de ferro, disseram os analistas.

    A produção média diária de metal quente entre as usinas pesquisadas ainda se manteve bem acima de 2,4 milhões de toneladas na sexta-feira, apesar de uma queda semanal de 0,55%, mostraram dados da consultoria Mysteel, indicando uma demanda sólida no curto prazo.

    (Reportagem de Amy Lv e Dominique Patton em Pequim)