Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Diretor afastado da Americanas renuncia ao cargo, informa empresa

    José Timotheo de Barros era diretor de lojas físicas, logística e tecnologia da varejista

    Homem passa em frente às Lojas Americanas em Brasília
    Homem passa em frente às Lojas Americanas em Brasília 12/02/2023 REUTERS/Ueslei Marcelino

    da Reuters

    A Americanas informou nesta segunda-feira (1°) em fato relevante ao mercado que recebeu pedido de renúncia de José Timotheo de Barros, diretor que estava afastado de suas funções desde fevereiro, em meio às investigações do rombo contábil revelado pela companhia no início do ano.

    Barros era diretor de lojas físicas, logística e tecnologia da varejista. Além dele, a Americanas também havia afastado de seus cargos em fevereiro Anna Saicali, que comandava a Ame Digital, e Marcio Cruz, diretor de digital, consumo e marketing.

    Os três faziam parte do mais alto escalão da companhia.

    A Americanas entrou em recuperação judicial após revelar inconsistências contábeis da ordem de R$ 20 bilhões no início do ano.

    Antes da divulgação dos problemas, as ações da empresa eram negociadas na casa dos 12 reais na B3.  Até sexta-feira da semana passada, os papéis da empresa eram cotados a R$ 1,04.