Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Microsoft alcança valor recorde de mercado e volta a ser a companhia mais cara do mundo

    Apple e Nvidia aparecem na sequência entre as três maiores companhias do mercado

    CEO da Microsoft, Satya Nadella, em conferência anual da companhia para desenvolvedores em Seattle, Washington, EUA
    CEO da Microsoft, Satya Nadella, em conferência anual da companhia para desenvolvedores em Seattle, Washington, EUA 21/5/2024 REUTERS/Max Cherney

    da Reuters

    As ações da Microsoft subiram 1,3% nesta segunda-feira (17), encerrando a sessão com um valor de mercado de US$ 3,33 trilhões (R$ 18 trilhões, na cotação atual), um recorde para qualquer companhia, enquanto Apple e Nvidia ficaram logo atrás.

    A Apple estava à frente da Microsoft durante parte da sessão, antes de ficar para trás no fechamento.

    As três empresas seguem em uma disputa acirrada pelo título de empresa mais valiosa do mundo. A Apple subiu 2% no pregão, alcançando um valor de mercado de US$ 3,32 trilhões (R$ 17,9 trilhões), enquanto Nvidia caiu 0,7%, com um valor de mercado de US$ 3,22 trilhões (R$ 17,4 trilhões).

    O papel da Apple sobe agora cerca de 12% desde 7 de junho, pouco antes de a empresa revelar uma estratégia de inteligência artificial há muito esperada, integrando a tecnologia “Apple Intelligence” em seu conjunto de aplicativos, incluindo a Siri, e trazendo o ChatGPT, da OpenAI, para seus dispositivos.

    A Apple acumula alta de 12% em 2024, enquanto a Microsoft avançou 19% e a Nvidia disparou 165% no mesmo período.