Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Petrobras bate recorde de produção de gasolina e vendas crescem 26% em junho

    Com aumento no refino, utilização da capacidade das refinarias chegou a 93% no trimestre de abril a junho

    Produção de diesel também foi recorde em junho
    Produção de diesel também foi recorde em junho REUTERS/Ueslei Marcelino

    Thayana AraújoElis Barretoda CNN

    Brasília

    A Petrobras bateu recorde mensal na produção de gasolina em junho e atingiu a marca de 2,01 bilhões de litros do combustível. Esse é o melhor resultado para o período desde 2014, informou a empresa nesta terça-feira (11).

    Com o aumento na produção, a petroleira viu as vendas crescerem 26% no mês de junho, na comparação com o mesmo mês do ano passado.

    Além da gasolina, o diesel s-10 também registrou recorde na produção mensal, alcançando o volume de 2,11 bilhões de litros produzidos. Já as vendas do diesel S10 cresceram 2,9% no mesmo período.

    A Petrobras registrou ainda um aumento de 5,7% em vendas do querosene de aviação (QAV). Segundo a empresa, os recordes demonstram um aumento das vendas no mercado interno, e a efetividade da estratégia da empresa de investir em refino.

    O diretor de Processos Industriais e Produtos da Petrobras, William França, afirmou, em nota, que um conjunto de fatores como a operação dos parques de refino, a competência de equipes e o planejamento da produção até a execução, permitiram que a empresa alcançasse o patamar elevado em processamento.

    Outro indicador que apresentou bom desempenho foi o Fator de Utilização Total (FUT), chegando a 93% no segundo trimestre desse ano. Segundo a Petrobras, esse é o melhor resultado desde 2015.

    O FUT é a relação entre o volume de carga de petróleo processado e a capacidade operacional das refinarias.