Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Petrobras aportará até 15% do total de investimentos em projetos de baixo carbono

    Novo plano de investimento foi anunciado nesta quinta-feira (1)

    Pedro Zanattada CNN

    São Paulo

    A Petrobras anunciou nesta quinta-feira (1°) alterações em seu plano de investimentos para o período de 2024 a 2028. A principal alteração foi a criação de uma faixa — de 6% para 15% — da parcela total dos investimentos que serão direcionados para tecnologias de baixo carbono.

    Segundo comunicado da empresa ao mercado, a medida visa preparar a Petrobras para um futuro mais sustentável, na busca por uma transição energética justa e segura no país, “conciliando o foco atual em óleo e gás com a busca pela diversificação de nosso portfólio em negócios de baixo carbono”.

    A empresa, no comunicado, traz ainda alguns detalhes sobre sua atuação. Em exploração e produção, a Petrobras diz que deve maximizar o valor do portfólio com foco em ativos rentáveis, repor as reservas de petróleo e gás inclusive com a exploração de novas fronteiras, aumentar a oferta de gás natural e promover a descarbonização das operações.

    Com relação ao refino, transporte e comercialização, a estatal planeja aprimorar seu parque industrial, da cadeia de abastecimento e logística, buscar a autossuficiência em derivados e desenvolver novos produtos em direção a um mercado de baixo carbono.

    Em sustentabilidade, a Petrobras menciona que buscará emissões decrescentes, “promovendo a diversidade e o desenvolvimento social”, além de “inovar para gerar valor para o negócio”.

    “A Companhia reforça que os investimentos devem ser financiados pelo fluxo de caixa operacional, em níveis equivalentes às companhias congêneres, e preferencialmente por meio de parcerias que permitam compartilhar riscos e expertise”, diz o texto.