O rock morreu, mas passa bem: nem só de nostalgia vive o gênero

Da CNN, em São Paulo
16 de julho de 2020 às 09:30
Mari Palma apresenta o podcast Na Palma Da Mari, publicado sempre às quintas
Foto: CNN Brasil

Todo mês de julho o mundo celebra o gênero musical mais eclético de todos e, quase sempre, alguém decreta sua morte. Mas, previsões catastróficas à parte, por que vemos tão poucas bandas novas de rock? E por que os novos consumidores do ritmo parecem estar sempre olhando pro passado? Neste episódio do Na Palma da Mari, vamos mostrar que, apesar de não ocupar o topo dos rankings de mais ouvidas nas plataformas, o rock segue influenciando comportamentos e conquistando fãs. Mari Palma conversa com dois super representantes de duas gerações nos palcos (agora virtuais): Paulo Miklos, músico, ator e um dos fundadores dos Titãs, e Cris Botarelli, do Far From Alaska. Aumenta o volume!

Ouça e assine os podcasts da CNN Brasil gratuitamente:

5 Fatos

Abertura de Mercado

América Decide

Carteira Inteligente

CNN Líderes

Coronavírus: Fato x Ficção

E Tem Mais

Horário de Brasília

O Grande Debate

O Mundo Pós-Pandemia

O Que Eu Faço?

Todo o conteúdo da grade digital da CNN Brasil é gratuito.