Pintura estimada em quase R$ 100 milhões é furtada pela terceira vez na Holanda


Reuters
27 de agosto de 2020 às 16:10 | Atualizado 29 de agosto de 2020 às 13:17
O quadro Two Laughing Boys, do pintor Frans Hals

O quadro Two Laughing Boys, do pintor Frans Hals

Foto: Reprodução

Uma pintura do mestre da Idade do Ouro holandesa Frans Hals, que ficava em um pequeno museu perto da cidade holandesa de Utrecht, foi furtada nesta quinta-feira (27). Essa é a terceira vez que o quadro é levado por assaltantes.

Two Laughing Boys (Dois Garotos Rindo, em tradução livre), estimada em 15 milhões de euros (aproximadamente R$ 98 milhões) e datada de 1626, foi levada do museu Hofje van Aerden, antes do amanhecer desta quinta, por ladrões que invadiram o prédio pela porta dos fundos.

Leia também:

Pintura de Van Gogh é roubada de museu na Holanda

Reconstrução do rosto de Rafael sugere que ele idealizou nariz em autorretrato

"Cerca de 3h30 o alarme tocou, e os agentes foram diretamente ao museu", disse a polícia em nota. "Após o gerente do museu dar acesso à área e ao prédio, notamos que a porta dos fundos foi forçada e um quadro, roubado". 

Um porta-voz do museu disse que todos os questionamentos serão respondidos pela polícia. 

Consultado pelo canal RTL Nieuws, o especialista em arte Arthur Brand disse que os ladrões se aproveitam da pouca segurança de museus pequenos. 

"Criminosos sabem que museus grandes têm segurança suficiente", disse. "Eles provavelmente concluíram que [o quadro] valia muito dinheiro e era relativamente fácil de roubar". 

Two Laughing Boys já foi roubada duas vezes anteriormente em seus quatro séculos de história — uma dessas, em maio de 2011, desse mesmo museu. A polícia a recuperou mais tarde naquele ano após prender quatro homens que tentavam vender a pintura. 

Esse também foi o segundo roubo de pinturas de museus holandeses fechados para o público por causa da pandemia da Covid-19. Um Van Gogh também foi levado do museu Singer Laren em março. 

Frans Hals

Hals, pintor contemporâneo do holandês Rembrandt van Rijn, nasceu no começo da década de 1580 na Antuérpia e se mudou ainda criança para a cidade holandesa Haarlem.

Ele trabalhou como um restaurador de arte antes de se tornar um pintor de retratos. É conhecido pela pintura The Laughing Cavalier (O Cavaleiro Rindo) e por alguns de seus retratos em grupo em tamanho real. Ele morreu em Haarlem em 1666.