Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    Anahí reclama após Christian Chávez reagir a polêmica envolvendo turnê do RBD

    Cantor reagiu a boatos de que Anahí e seu marido possam estar envolvidos em desvio de dinheiro da "Soy Rebelde Tour"

    Anahí rebateu declarações de Christian Chávez em suas redes sociais
    Anahí rebateu declarações de Christian Chávez em suas redes sociais Reprodução/Instagram

    Mariana Valbãocolaboração para a CNN

    A cantora Anahí, 41, usou as redes sociais nesta segunda-feira (10) para mandar uma indireta ao colega de RBD, Christian Chávez. Ela não aprovou as declarações do cantor sobre um suposto envolvimento da artista e seu marido, Manuel Velasco, 44, no desvio de dinheiro da turnê “Soy Rebelde Tour”.

    Questinado por jornalistas ao desembarcar no México nesta segunda, Christian informou que as informações não passam de “fofocas” e que o clima entre os integrantes do grupo está normal.

    “Olha, o que eu posso dizer é que, às vezes, dizem muitas coisas. E a verdade é que se formos ficar o tempo todo dizendo: ‘Não, isso é mentira. Não, isso é verdade’… O que posso dizer é que os problemas legais ou o que está sendo tratado legalmente é algo que os meios de comunicação não têm o direito [de acesso], sabe?”, disse.

    “Eu, de todas essas coisas, não posso dizer nada, porque são fofocas. Olha, eu sei que é [um assunto] delicado. Mas por tudo isso, é melhor que as pessoas [adequadas] se encarreguem da parte legal, e nós fazemos o que sabemos fazer que é entreter o público”, continuou.

    Por fim, o cantor ressaltou: “Temos nosso grupo no WhatsApp, e estamos aí.” Após a entrevista repercutir, Anahí discordou das falas de Christian e quebrou o silêncio sobre as especulações.

    Em seu perfil no X (antigo Twitter), ela escreveu: “Não se trata apenas de fofoca. É absolutamente falso. [Foi uma] resposta pouco clara. Infelizmente, a memória vai se perdendo”.

    Recentemente, a mídia mexicana repercutiu que Anahí sabia que seu marido desviada o dinheiro arrecadado nos shows. A finalidade da suposta fraude seria o financiamento da campanha política de Velasco caso se candidatasse à presidência dos país. Atualmente ele é senador.