Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Angeli anuncia fim da carreira de cartunista após diagnóstico de afasia

    Desenhista tem mais de 50 anos de carreira; comunicado fala em início de "nova etapa" na carreira com exposições e publicações

    Reprodução rede social

    Felipe Romeroda CNN

    Ouvir notícia

    O cartunista Angeli anunciou sua aposentadoria nesta quarta-feira, após cinquenta e um anos de carreira, quase cinquenta anos em colaboração diária com o jornal Folha de São Paulo. Segundo o jornal, o artista foi diagnosticado com afasia – uma doença neurodegenerativa que afeta a comunicação, oral e escrita.

    Angeli marcou época com seu traço e influenciou gerações de desenhistas e cartunistas. Segundo o comunicado postado em sua conta no Twitter, uma “nova etapa se inicia… seguiremos celebrando a obra de Angeli em novas publicações e exposições.”

    A editora Companhia das Letras prepara uma compilação dos mais de cinquenta anos de carreira do cartunista. Coletâneas de personagens como Bob Cuspe, Rê Bordosa e Wood&Stock já foram lançados pela editora.

    Confira o comunicado feito no Twitter:

    Afasia

    A condição ganhou os holofotes em março, quando o ator Bruce Willis anunciou aposentadoria pelo mesmo diagnóstico. O distúrbio de linguagem, que afeta a capacidade de comunicação de uma pessoa, pode estar relacionado a diferentes fatores, como acidente vascular cerebral (AVC), traumas ou tumores. Além disso, o quadro clínico pode se desenvolver ao longo dos anos.

    Segundo a American Stroke Association, existem três tipos de afasia: de Wernicke (compreensiva), de Broca (expressiva) e global.

    Pessoas com afasia de Wernicke podem dizer muitas palavras que não fazem sentido, ou palavras erradas, além de juntar uma série de palavras sem sentido que soam como uma frase, mas não fazem sentido.

    Na afasia de Broca, as lesões nas regiões frontais do hemisfério esquerdo do cérebro afetam a forma como as palavras são unidas para formar frases completas. O quadro é caracterizado pela dificuldade em formar frases completas, problemas para entender expressões, além de erros ao seguir instruções como esquerda e direita.

    Já a afasia global é fruto de um acidente vascular cerebral que afeta uma porção extensa das regiões frontal e traseira do hemisfério esquerdo do cérebro. Os sintomas incluem dificuldades tanto no entendimento como na formação de sentenças.

    Mais Recentes da CNN