Após tapa de Will Smith, vendas para show de Chris Rock disparam nos EUA

Com o aumento da procura, o preço dos ingressos também disparou de US$ 46 para US$ 464

Os atores Chris Rock e Will Smith no palco da cerimônia de premiação do Oscar 2022
Os atores Chris Rock e Will Smith no palco da cerimônia de premiação do Oscar 2022 Myung Chun / Los Angeles Times via Getty Images

Ingrid Oliveirada CNN

Ouvir notícia

Desde que Will Smith subiu ao palco durante a cerimônia do Oscar 2022 a deu um tapa em Chris Rock no último domingo (27), o assunto no mundo do entretenimento não tem sido outro. Se de um lado, Smith pediu desculpas pelo gesto, por outro, as vendas para o show “Ego Death World Tour”, de Chris Rock, têm disparado.

Um dia após o ocorrido, a empresa responsável pela venda dos ingressos TickPick postou em uma rede social que venderam “mais ingressos para o show de Chris Rock durante a noite [de domingo para segunda] do que no mês passado juntos”.

Por conta do aumento nas buscas, o preço dos ingressos também mudou.

Se antes do episódio no Oscar o ticket custava US$ 46, na segunda-feira (28), quem buscou por uma entrada no show teve que pagar pelo menos US$ 464 (cerca de R$ 2.204).

Rock terá uma temporada de shows esse ano. Com seis apresentações marcadas em uma casa de eventos de Boston, nos Estados Unidos, entre 30 de março e 1º de abril, o espetáculo seguirá durante todo ano e terminará dia 18 de novembro, em Los Angeles.

Relembre o caso

Enquanto apresentava o prêmio de melhor documentário, Rock fez uma piada envolvendo a cabeça raspada de Jada Pinkett Smith, esposa de Will Smith. Jada, que também é atriz, já disse publicamente que sofre de alopecia, uma doença que leva à perda de cabelo.

Após a piada, Will Smith levantou de sua cadeira e se dirigiu ao palco, dando um tapa no rosto de Roch. A repórter da CNN Stephanie Elam afirmou que conseguiu ouvir o barulho da agressão. Smith também teria dito duas vezes: “Mantenha o nome da minha esposa fora de sua boca”.

Mais tarde, ao receber o prêmio de Melhor Ator pelo papel no papel no filme King Richard, Smith se desculpou pelo ocorrido. “Este é um momento bonito, e não estou chorando por ganhar um prêmio. Não se trata de ganhar um prêmio para mim, é sobre ser capaz de iluminar todas as pessoas”, afirmou o ator.

A Academia condenou o tapa e disse que “não tolera violência de nenhuma forma”, além de ter iniciado uma revisão formal do incidente.

Will Smith fez um post em seu Instagram pedindo desculpas.

“Violência em todas as suas formas é venenosa e destrutiva. O meu comportamento no Oscar de ontem à noite foi inaceitável e imperdoável”, escreveu.

Mais Recentes da CNN