Artista plástico Christo, conhecido por sua arte monumental, morre aos 84 anos

O artista plástico Christo Vladimirov
O artista plástico Christo Vladimirov Foto: Instagram/ Reprodução

Mylene Guerra,

da CNN, em São Palo

Ouvir notícia

Morreu Christo Vladimirov Javacheff, conhecido por embrulhar palácios e ponte junto com sua falecida esposa, Jeanne-Claude Denat de Guillebon. Juntos, conhecidos simplesmente como Christo e Jeanne-Claude, eles envolveram marcos icônicos em tecidos, como a Ponte Neuf em Paris em 1985 e o Reichstag em Berlim em 1995; e montaram milhares de portões laranja no Central Park, que lembram os portões sagrados do Japão, em 2005. Após a morte de Jeanne-Claude, ele continuou com os projetos pensados pelos dois. 

Em 2016, o artista apresentou o trabalho “The Floating Piers”, no lago italiano Iseo. Por 16 dias, apareceram caminhos dourados no lago, sustentados por 220.000 cubos de polietileno. Como muitos de seus trabalhos, foi um sucesso popular. Cerca de 270.000 pessoas apareceram para andar sobre a água durante os primeiros cinco dias.

Christo faleceu domingo, 31 de maio, em sua casa em Nova York, de acordo com uma declaração feita na conta oficial do twitter do artista. Ele tinha 84 anos.

 

 

 

Mais Recentes da CNN