Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    Christopher Nolan está “em busca” de ideias para filme de terror

    Diretor de "Oppenheimer" falou sobre a possibilidade de mergulhar no gênero durante uma palestra no Instituto de Cinema Britânico

    Christopher Nolan ganha Globo de Ouro de melhor diretor por “Oppenheimer”
    Christopher Nolan ganha Globo de Ouro de melhor diretor por “Oppenheimer” 13/5/2018 REUTERS/Stephane Mahe

    Nicoly Bastosda CNN

    São Paulo

    O diretor Christopher Nolan revelou, na quinta-feira (15), que tem vontade de fazer um filme de terror, mas que ainda não encontrou uma ideia “excepcional” para o gênero.

    Christopher Nolan falou sobre o assunto durante uma palestra no Instituto de Cinema Britânico, em Londres. O diretor disse mais sobre seu fascínio pelo gênero, enquanto respondia uma pergunta da audiência que questionou se ele faria um filme de terror.

    “’Oppenheimer ‘ definitivamente contém elementos de terror, como considero apropriado ao assunto”, começou Nolan.

    “Acho que os filmes de terror são muito interessantes porque dependem de muitos dispositivos cinematográficos, trata-se mesmo de uma resposta visceral às coisas e, por isso, a dada altura, adoraria fazer um filme de terror”, revelou o diretor.

    Então, Nolan expressou que o que falta é uma ideia boa que faça jus à magnitude do gênero.

    “Acho que um filme de terror realmente bom requer uma ideia realmente excepcional. E esses são poucos e distantes entre si. Ainda não encontrei uma história que se preste a isso”, disse ele.

    O diretor seguiu elogiando o gênero. “Mas acho que é um gênero muito interessante do ponto de vista cinematográfico. É também um dos poucos gêneros onde os estúdios fazem muitos desses filmes, e são filmes que têm muita desolação, muita abstração. Eles têm muitas das qualidades que Hollywood geralmente resiste em colocar nos filmes, mas esse é um gênero onde isso é permitido”, acrescentou Nolan.

    No mesmo evento, Christopher Nolan afirmou que os filmes da sua trilogia de “Batman” refletem o medo do terrorismo e do fascismo que ele sentia enquanto produzia os filmes.

    “A intenção sempre foi ser honesto ao apresentar as coisas pelas quais fomos afetados, coisas que nos preocupavam. Certamente, quando olho para ‘Batman Begins’, há uma grande ênfase no terrorismo, obviamente, após o 11 de Setembro”, contou Nolan, para depois dizer que essa inclusão não foi consciente.

    Nolan concorre ao Oscar de Melhor Direção com “Oppenheimer”, que recebeu outras 12 indicações à cerimônia que acontecerá em Los Angeles, no dia 10 de março.