Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Cinco funcionários se demitem após Tom Cruise explodir de novo, diz jornal

    Estrela de Missão Impossível foi flagrado em áudio gritando com equipe para exigir distanciamento social nas gravações

    Tom Cruise usa máscara durante gravação do sétimo filme da franquia "Missão Impossível" em Roma
    Tom Cruise usa máscara durante gravação do sétimo filme da franquia "Missão Impossível" em Roma Foto: Guglielmo Mangiapane/Reuters (13.out.2020)

    Anna Satie, da CNN em São Paulo

    Ouvir notícia

    Cinco funcionários teriam se demitido após uma nova explosão do ator Tom Cruise durante as gravações do sétimo filme de Missão Impossível, reportou o jornal britânico The Sun nesta quinta-feira (17). 

    De acordo com o periódico, ele teve outro acesso de raiva na noite de terça-feira (15), depois que foi noticiado que ele gritou com a equipe para exigir distanciamento social

    “O primeiro surto foi grande, mas as coisas não se acalmaram desde então. A tensão tem escalado há meses e essa foi a última gota. Desde que se tornou público, houve mais raiva e vários funcionários saíram”, disse uma fonte não-identificada ao jornal. 

    “Tom não consegue mais aguentar depois de tudo que passaram para que continuassem filmando. Ele está chateado que os outros não estejam levando isso tão a sério quanto ele. No final, é ele quem leva a responsabilidade”, continuou.

    Leia também:

    Flagrado em áudio, Tom Cruise grita com equipe para exigir distanciamento social

    Cruise também é produtor do filme e alugou dois navios de cruzeiro por supostamente 500 mil euros (aproximadamente R$ 3,1 milhões) ao mês para manter a equipe isolada e minimizar as chances de interrupção das filmagens novamente. 

    Em outubro, 12 pessoas do set foram diagnosticadas com a Covid-19. Inicialmente, o filme seria lançado em julho de 2021, mas foi adiado para novembro por causa da pandemia. 

    Anteriormente, o ator foi flagrado gritando aos funcionários que seriam demitidos se não obedecessem às regras. 

    “Vocês entendem a responsabilidade que temos? Porque eu vou lidar com a sua razão. E se vocês não puderem ser razoáveis e eu não puder lidar com a sua lógica, vocês serão demitidos”, disse. 

    Mais Recentes da CNN