Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    “Como eu era antes de você”: conheça histórias reais que inspiraram autora

    Filme estrelado por Emilia Clarke e Sam Claflin é uma adaptação do livro best-seller de mesmo nome, escrito por Jojo Moyes

    O filme "Como Eu Era Antes de Você" foi inspirado no livro best-seller de mesmo nome da autora britânica Jojo Moyes.
    O filme "Como Eu Era Antes de Você" foi inspirado no livro best-seller de mesmo nome da autora britânica Jojo Moyes. Alex Bailey - © 2015 Warner Bros. Entertainment Inc. and Metro-Goldwin-Mayer Pictures Inc.

    Fernanda Pinottida CNN em São Paulo

    O filme “Como Eu Era Antes de Você”, dirigido por Thea Sharrock, foi inspirado no livro best-seller de mesmo nome, escrito pela autora britânica Jojo Moyes.

    Na trama, Louisa Clark é contratada como cuidadora de Will, um homem rico que se torna extremamente cínico perante à vida após ficar tetraplégico por conta de um acidente. Louisa faz de tudo para retomar a alegria de viver de Will, e os dois se tornam muito próximos.

    Emilia Clarke e Sam Claflin dão vida aos dois personagens principais na adaptação da história para os cinemas, que estreou em 2016.

    Em uma entrevista à revista People no ano de estreia do longa que levou sua obra para as telonas, Jojo Moyes revelou que se inspirou em situações reais para escrever “Como Eu Era Antes de Você”.

    “Quando eu estava escrevendo o livro, eu tinha dois parentes que precisavam de cuidados 24 horas por dia. Acho que se você convive com essa situação diariamente, não pode deixar de se perguntar sobre qualidade de vida e o que estamos fazendo pelas pessoas vivas, com os avanços da ciência médica, mas sem necessariamente a qualidade de vida para oferecer”, explicou Moyes. “Acho que todas essas questões estavam em minha mente quando o escrevi.”

    Uma notícia que saiu no jornal sobre um ex-jogador de rúgbi que ficou tetraplégico após se acidentar também influenciou a autora durante a escrita do livro.

    “Enquanto tudo isso acontecia na minha família, ouvi uma notícia sobre um jovem na Inglaterra que havia sofrido um terrível acidente e isso o deixou tetraplégico. Vários anos depois do acidente, ele convenceu seus pais a levá-lo para acabar com sua vida. Ele se preocupava muito com seu corpo desde os três anos de idade, tudo o que ele queria era praticar esportes”, explicou ela.

    “Fiquei tão chocada com a história dele porque, como mãe, não conseguia entender como você concordaria em levar seu próprio filho para acabar com a vida dele. Eu provavelmente também fui bastante crítica”, disse Moyes.

    Ela acrescentou que passou a enxergar a situação de maneira diferente quanto mais lia sobre o assunto.

    “O fato de ele ter se fechado, de seus pais terem sido colocados nessa posição impossível, eu não sabia sobre tetraplegia, não sabia dos aspectos de saúde. Não é só uma questão de estar numa cadeira, é uma série constante de intervenções e indignidades e problemas de saúde. Comecei a pensar: ‘Como seria se alguém que você ama tomasse essa decisão? Como seria se você fosse essa pessoa?'”, explicou a autora.

    “Acho que eu ficaria amarga, com raiva e com inveja das pessoas que ainda usam seus corpos. Então essa história não saía da minha cabeça e foi daí que veio, foi uma exploração de uma pessoa comum em uma situação extraordinária”, disse Moyes.

    O filme “Como Eu Era Antes de Você” ficou em alta nos trending topics do X, antigo Twitter, nesta segunda-feira (25) após ser exibido na Sessão da Tarde da TV Globo.