Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Corpo de João Donato é cremado após velório com homenagem de orquestra

    Velório do pianista, cantor e compositor, na tarde desta terça-feira (18), foi aberto ao público, no Theatro Municipal do Rio de Janeiro

    Da CNN

    O velório do pianista, cantor e compositor João Donato aconteceu na tarde desta terça-feira (18), no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, entre 11h e 15h.

    Donato morreu na segunda-feira (17), aos 88 anos. A causa da morte não foi divulgada.

    O velório foi aberto ao público e contou com uma homenagem de integrantes da Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal. Os músicos William Doyle (violino), Jocelynne Cardenas (viola), Pablo de Sá (violoncelo) e Tony Botelho (contrabaixo) tocaram músicas de Mozart e do próprio João Donato.

    Depois do evento, o corpo do músico foi cremado no Memorial do Carmo, em uma cerimônia restrita aos familiares e amigos.

    “Sua alegria e seus acordes permanecem eternos”

    Na segunda-feira (17), o perfil de Donato no Instagram publicou: “Hoje o céu dos compositores amanheceu mais feliz: João Donato foi para lá tocar suas lindas melodias. Agora, sua alegria e seus acordes permanecem eternos por todo o universo.”

    A Casa de Saúde São José, que fica na zona sul do Rio, informou em nota que o falecimento foi às 3h20 da segunda.

    No final de junho, o cantor publicou uma foto com seu filho, Donatinho, “depois de 26 dias de molho no hospital”, mas não indicou a razão da internação. Donatinho publicou, nesta segunda, uma foto com João e a legenda: “A lei do amor é bem maior!”

    João iria se apresentar em São Paulo em setembro, no Coala Festival, em uma apresentação especial com o cantor Martinho da Vila.

    “Com profunda tristeza e pesar, lamentamos a perda de um dos grandes gênios musicais de todos os tempos. Obrigado por tudo, João”, publicou o perfil oficial do festival nas redes sociais.

    *Publicado por Fernanda Pinotti