Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    DiCaprio diz que agradeceu “muitas vezes” Sharon Stone por pagar seu salário em “Rápida e Mortal”

    Atriz "bancou" o astro após estúdio se recusar a escalá-lo no filme dirigido por Sam Raimi, no qual Stone desempenhava o papel principal

    Leonardo DiCaprio agradeceu Sharon Stone por pagar seu salário em 1995
    Leonardo DiCaprio agradeceu Sharon Stone por pagar seu salário em 1995 Foto: Steve Granitz/WireImage

    Bárbara Carvalhocolaboração para a CNN São Paulo

    Em entrevista recente, o ator Leonardo DiCaprio revelou ao “E! News” que agradeceu “muitas vezes” à atriz Sharon Stone por pagar seu salário de ator em 1995 para o filme “Rápida e Mortal”.

    O astro ainda acrescentou que a atriz optou por apoiá-lo financeiramente após o estúdio negar sua participação no filme dirigido por Sam Raimi, no qual Stone desempenhava o papel principal.

    De acordo com o relato do ator, Stone não hesitou em atuar ao lado de DiCaprio e Russel Crowe, que eram duas estrelas em ascensão na época.

    “Ela disse: ‘esses são os dois atores com quem quero trabalhar’. Ela tem sido uma grande defensora do cinema e deu oportunidades a outros atores, então sou muito grato”, disse.

    Nas memórias lançadas em 2021, intituladas “The Beauty of Living Twice”, Stone revelou que assumiu pessoalmente o pagamento do salário de DiCaprio quando o estúdio TriStar Pictures se recusou a escalá-lo para o projeto.

    “Esse garoto chamado Leonardo DiCaprio foi o único que acertou em cheio no teste”, escreveu Stone, acrescentando que fez o teste com vários atores adolescentes para o papel de The Kid.

    “Na minha opinião, ele foi o único que entrou e chorou, implorando ao pai que o amasse enquanto ele morria no local.”

    Eternamente agradecido, o ator contou que a atriz já era veterana na indústria cinematográfica e, na ocasião, colaborou com o seu ingresso na carreira cinematográfica.

    “Não sei se enviei a ela um presente físico de agradecimento, mas não consigo nem agradecê-la o suficiente”, disse.